sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Brasileiro Pedra 90

Tom era pedreira

"Pedra 90 só enfrenta quem agüenta" Francisco Milani

Com ele ninguém agüenta
O seu Tom é forte
Amigo, ele é pedra noventa

Matita Perê
Tom Jobim
Compositor: Antonio Carlos Jobim / Paulo Cesar Pinheiro


Homenagem a (in honor of):
Guimarães Rosa
Carlos Drummond de Andrade
Mario Palmério

No jardim das rosas
De sonho e medo
Pelos canteiros de espinhos e flores
Lá, quero ver você
Olerê, Olará, você me pegar

Madrugada fria de estranho sonho
Acordou João, cachorro latia
João abriu a porta
O sonho existia

Que João fugisse
Que João partisse
Que João sumisse do mundo
De nem Deus achar, Ierê

Manhã noiteira de força viagem
Leva em dianteira um dia de vantagem
Folha de palmeira apaga a passagem
O chão, na palma da mão, o chão, o chão

E manhã redonda de pedras altas
Cruzou fronteira de servidão
Olerê, quero ver
Olerê

E por maus caminhos de toda sorte
Buscando a vida, encontrando a morte
Pela meia rosa do quadrante Norte
João, João

Um tal de Chico chamado Antônio
Num cavalo baio que era um burro velho
Que na barra fria já cruzado o rio
Lá vinha Matias cujo o nome é Pedro
Aliás Horácio, vulgo Simão
Lá um chamado Tião
Chamado João

Recebendo aviso entortou caminho
De Nor-Nordeste pra Norte-Norte
Na meia vida de adiadas mortes
Um estranho chamado João

No clarão das águas
No deserto negro
A perder mais nada
Corajoso medo
Lá quero ver você

Por sete caminhos de setenta sortes
Setecentas vidas e sete mil mortes
Esse um, João, João
E deu dia claro
E deu noite escura
E deu meia-noite no coração
Olerê, quero ver
Olerê

Passa sete serras
Passa cana brava
No brejo das almas
Tudo terminava
No caminho velho onde a lama trava
Lá no todo-fim-é-bom
Se acabou João

No Jardim das rosas
De sonho e medo
No clarão das águas
No deserto negro
Lá, quero ver você
Lerê, lará
Você me pegar





Tom Jobim - Matita Perê - 1973 - Full Album


Matita Perê
Tom Jobim
 
No jardim das rosas
De sonho e medo
Pelos canteiros de espinhos e flores
Lá, quero ver você
Olerê, Olará, você me pegar

Madrugada fria de estranho sonho
Acordou João, cachorro latia
João abriu a porta
O sonho existia

Que João fugisse
Que João partisse
Que João sumisse do mundo
De nem Deus achar, Ierê

Manhã noiteira de força viagem
Leva em dianteira um dia de vantagem
Folha de palmeira apaga a passagem
O chão, na palma da mão, o chão, o chão

E manhã redonda de pedras altas
Cruzou fronteira de servidão
Olerê, quero ver
Olerê

E por maus caminhos de toda sorte
Buscando a vida, encontrando a morte
Pela meia rosa do quadrante Norte
João, João

Um tal de Chico chamado Antônio
Num cavalo baio que era um burro velho
Que na barra fria já cruzado o rio
Lá vinha Matias cujo o nome é Pedro
Aliás Horácio, vulgo Simão
Lá um chamado Tião
Chamado João

Recebendo aviso entortou caminho
De Nor-Nordeste pra Norte-Norte
Na meia vida de adiadas mortes
Um estranho chamado João

No clarão das águas
No deserto negro
A perder mais nada
Corajoso medo
Lá quero ver você

Por sete caminhos de setenta sortes
Setecentas vidas e sete mil mortes
Esse um, João, João
E deu dia claro
E deu noite escura
E deu meia-noite no coração
Olerê, quero ver
Olerê

Passa sete serras
Passa cana brava
No brejo das almas
Tudo terminava
No caminho velho onde a lama trava
Lá no todo-fim-é-bom
Se acabou João

No Jardim das rosas
De sonho e medo
No clarão das águas
No deserto negro
Lá, quero ver você
Lerê, lará
Você me pegar






PEDRA 90 é uma gíria dos áureos tempos da boemia e da malandragem da Lapa carioca dos anos de 1920/30. A nonagésima era a última pedra do bingo, a pedra esperada, a pedra 90. Na época, atribuía-se então o termo “Pedra 90” ao amigo fiel e verdadeiro, ou ainda a alguém admirável.
Fonte(s):http://www.myspace.com/pedra90


MATITA PEREIRA



Não existe consenso a respeito de matita pereira ser um pássaro ou uma velha. O fato é que Matita possui um assobio inconfundível, que o caçador ao ouvir não tem dúvidas de ser ela. Matita, segundo a lenda sai a noite sobrevoa a casa daquele que zombou dela ou que a maltratou durante o dia, assombrando e assustando as criações de animais ou cachorros. Matita gosta de mascar tabaco, um ponto fraco usado por aqueles que querem descobrir a identidade de Matita. Segundo a lenda, quando alguém ouve o assobio de Matita na mata logo grita bem alto: "Vem buscar tabaco!". no dia seguinte, nas primeirs horas da manhã Matita bate a porta da pessoa para buscar o tabaco prometido. A pessoa se assusta e logo procura um pedaço de fumo para ofertar a Matita, caso a pessoa não der, matita volta a noite para assombrar a casa não deixando ninguém dormir.
Algumas lendas contam que caçadores que encontraram matita no meio da mata, descreveram matita como uma mulher velha com cabelos compridos e despenteados e que tem o corpo suspenso, flua com os braços levantados. Quem a ver fica paralisado de pavor.
Uma outra lenda a respeito de Matita Pereira, diz que quando Matita pressente sua morte, ela sai vagando pela noite e gritando: "quem quer? Quem quer?, quem responder "eu quero", fica coma maldição de virar Matita.



Para homenagear os 90 anos de Tom Jobim, Gshow lista aberturas de novelas com canções do músico
Antonio Carlos Jobim completaria 90 anos nesta quarta-feira, 25/1



O Tom das canções: 90 anos de Jobim
Ouça especial da Rádio Nacional de Brasília sobre o compositor, nesta quarta (25)



Cantora portuguesa lembra 90 anos de Tom Jobim
Carminho interpreta clássicos do mestre da MPB




Maestro Soberano da MPB, Tom Jobim faria 90 anos nesta quarta
Maestro autor de uma das músicas mais tocadas no mundo, Tom Jobim foi mestre da brasilidade


Cantores de Brasília homenageiam Tom Jobim
Correio Braziliense



Tom Jobim, 90 anos hoje
25 de janeiro de 2017

Tom Jobim, o maior compositor popular brasileiro de todos os tempos, faria hoje 90 anos. Pouco ou quase nada resta do país que Tom sonhou e cantou, mas a sua obra, algumas dezenas de canções maravilhosas e inesquecíveis, continuam imprescindíveis para a compreensão do Brasil contemporâneo.
De Julinho Bittencourt





De onde veio a expressão "Pedra 90"?
Lembram daquele personagem do saudoso Francisco Milani que sempre dizia "Pedra 90 só enfrenta quem agüenta"?

De onde vem essa expressão?

Pesquisei no Google e tudo o que achei foi uma marca de cachaça, mas não acho que o bordão veio daí. De fato, acho que a cachaça é que tem esse nome por causa do personagem.

Alguém sabe a resposta?

Melhor resposta:  PEDRA 90 é uma gíria dos áureos tempos da boemia e da malandragem da Lapa carioca dos anos de 1920/30. A nonagésima era a última pedra do bingo, a pedra esperada, a pedra 90. Na época, atribuía-se então o termo “Pedra 90” ao amigo fiel e verdadeiro, ou ainda a alguém admirável.
Fonte(s):http://www.myspace.com/pedra90
Zz Zilton Rodrigues · 7 anos atrás



Pedra Noventa
Noite Ilustrada
 
O meu argumento é forte
Comigo você não aguenta
Amigo, eu sou pedra noventa.
Pedra noventa,
Quer dizer sinceridade,
Pedra noventa,
É prezar uma amizade.

Como você pode julgar,
Que eu cobiçava essa mulher?
Mulher de amigo meu,
Pra mim, é zé.



Pedro Pedreira Pedra Noventa
Só enfrenta quem aguenta


Escolinha do Professor Raimundo (Ep. 333) - Pedro Pedreira - Descobrimento do Brasil

Publicado em 23 de mar de 2013
Categoria
Pessoas e blogs
Licença
Licença padrão do YouTube




NOVA ESCOLINHA - PEDRO PEDREIRA QUER PROVAS

ESCOLA DA HORA

Publicado em 30 de dez de 2016
Categoria
Pessoas e blogs
Licença
Licença padrão do YouTube






Tom Jobim – Luiza
Victor Carvalho

Enviado em 22 de mai de 2011


Luiza
Tom Jobim
Composição : Antônio Carlos Jobim

Rua,
Espada nua
Boia no céu imensa e amarela
Tão redonda a lua
Como flutua
Vem navegando o azul do firmamento
E no silêncio lento
Um trovador, cheio de estrelas
Escuta agora a canção que eu fiz
Pra te esquecer Luiza
Eu sou apenas um pobre amador
Apaixonado
Um aprendiz do teu amor
Acorda amor
Que eu sei que embaixo desta neve mora um coração

Vem cá, Luiza
Me dá tua mão
O teu desejo é sempre o meu desejo
Vem, me exorciza
Dá-me tua boca
E a rosa louca
Vem me dar um beijo
E um raio de sol
Nos teus cabelos
Como um brilhante que partindo a luz
Explode em sete cores
Revelando então os sete mil amores
Que eu guardei somente pra te dar Luiza
Luiza
Luiza
Categoria
Música
Licença
Licença padrão do YouTube


Anda, Maria
Pois eu só teria
A minha agonia
Pra te oferecer



OLHA MARIA - MILTON NASCIMENTO E TOM JOBIM



Dez aberturas de novela com músicas de Tom Jobim







Estação Primeira de Mangueira 1992 - Se todos fossem iguais a você

Levy Júnior
Publicado em 19 de nov de 2012
Mangueira vai deixar saudade
Quando o carnaval chegar ao fim
Quero me perder na fantasia
Que invade os poemas de Jobim
Amanheceu, o Rio canta de alegria
Aconteceu a mais linda sinfonia
O sol já despontou na serra,
Molhando o seu corpo sedutor

O mar beija a garota de Ipanema,
a musa de um sonhador
O mar beija a garota de Ipanema,
a musa de um sonhador

É carnaval, é a doce ilusão,
É promessa de vida no meu coração
É carnaval, é a doce ilusão,
é promessa de vida no meu coração (Mas vem ... )

Vem, vem amar a liberdade,
Vem cantar e sorrir, ter um mundo melhor
Vem, meu coração está em festa,
Eu sou a Mangueira em Tom maior
Salve o samba de terreiro, salve o Rio de Janeiro,
Seus recantos naturais

Se todos fossem iguais a você,
que maravilha seria viver
Categoria
Música
Licença
Licença padrão do YouTube
Música

"Se Todos Fossem Iguais a Você" por Jamelão (Google Play)

Referências

https://youtu.be/cc7HBAu2SWQ
https://www.vagalume.com.br/tom-jobim/matita-pere.html
https://youtu.be/Yh6_2lSW1C8
https://www.letras.mus.br/tom-jobim/86229/
http://3.bp.blogspot.com/_h92F2a-n9aY/SnjDmQGf6XI/AAAAAAAAGlQ/FVB6SogXYX0/s1600/matinta+pereira.jpg
http://bethccruz.blogspot.com.br/2009/03/lendas-da-amazonia.html
http://gshow.globo.com/tv/noticia/para-homenagear-os-90-anos-de-tom-jobim-gshow-lista-aberturas-de-novelas-com-cancoes-do-musico.ghtml
http://www.revistaforum.com.br/wp-content/uploads/2017/01/Tom.jpg
http://radios.ebc.com.br/programacao-musical/edicao/2017-01/o-tom-das-cancoes-90-anos-de-jobim
http://radios.ebc.com.br/tanto-mar/edicao/2017-01/cantora-portuguesa-lembra-90-anos-de-tom-jobim
https://youtu.be/_ithCW0HOvE
https://www.youtube.com/watch?v=_ithCW0HOvE&feature=youtu.be
http://www.revistaforum.com.br/2017/01/25/tom-jobim-90-anos-hoje/
https://youtu.be/iog-nSMih_U
https://www.youtube.com/watch?v=iog-nSMih_U
https://youtu.be/OXUE7BgNnng
https://www.youtube.com/watch?v=OXUE7BgNnng
https://youtu.be/YRM27NLf8VM
https://www.youtube.com/watch?v=YRM27NLf8VM
http://blogs.correiobraziliense.com.br/proximocapitulo/wp-content/uploads/sites/27/2017/01/tom-jobim-550x298.jpg
http://blogs.correiobraziliense.com.br/proximocapitulo/2017/01/25/relembre-aberturas-de-novelas-com-musicas-de-tom-jobim/
https://youtu.be/G4MH9DbLLvY
https://youtu.be/oJ3gLQFarig







Nenhum comentário:

Postar um comentário